sábado, 7 de julho de 2012


Como melhorar a auto estima?

5
Nunca fui a mais bonita, engraçada, mais legal, nasci tímida daquelas que tem poucos amigos, e que tem medo do que as pessoas irão pensar e como todos sabem a sociedade adora julgar, apontar o que há de errado e por muitas vezes me odiei ou me prejudiquei por que queria ser igual. Minha auto estima nunca foi boa, e aceitava quando me diziam que era esquisita, errada e feia. Muitos adolescentes, assim como eu, tem auto estima baixa, ou acha mesmo que a garota mais popular do colégio quando está só também não vê defeitos nela onde não há? Separei algumas dicas e espero que ajude a quem também não se sente em paz consigo mesmo.


Aceite-se: Sabe a pessoa que você vê no espelho, ela é única, se ame por que ninguém fará isso tão bem quanto você. Ame seu jeito, ame sua voz, olha para aquela pessoa e dê valor. Aceite que suas imperfeições te fazem ser quem você é.

Pare de ouvir as criticas: Sempre haverá alguém para lhe dizer que seu corpo não é bonito, que algo em você está errado, mas não se deixe levar por isso, pessoas gostam de julgar, gostam de por as outras para baixo para assim se sentirem melhor, então levante a cabeça quando alguém lhe disser que você não é bonita, ou não é o padrão que eles querem, ignore, críticas só construtivas, deixe as ofensas de lado. O que não acrescenta em nada, apague.

Mude por você: Se for pra mudar que seja por que quis, eu, por exemplo, aliso o cabelo (adeus cachinhos), mas faço por que gosto, não por que alguém criticou, se você se sente bem com seus cachos, com seu peso e sabe que isso não te fará mal, por que mudar? Só por que alguém disse que não era bom, não mesmo. Se for pra mudar mude por você, por que seu corpo está pedindo, por que acha que te fará bem. Não adianta satisfazer os outros se você não ficar satisfeito.

Enumere suas qualidades: Vale perguntar para a sua melhor amiga. E não esqueça nem daquelas que parecem bobas, do tipo “Faço as pessoas sorrirem, facilmente”. São traços particulares que fazem com que você seja única.

Mantenha perto quem te faz feliz: Para que ter uma pessoa ao seu lado que só sabe apontar seus defeitos, que está sempre julgando, isso não é amizade. Claro que amigos nos mostram o que está errado e o que precisamos mudar, mas também nos elogiam e nos põe pra cima, manter uma pessoa do seu lado que só sabe lhe por pra baixo, é furada na certa. Cultive só quem lhe faz bem.

Desencane: para de pensar que seu nariz é muito grande, que é muito magra, ou que precisa crescer alguns centímetros, em vez disso, viva, sorria e divirta-se acredite ira aparecer alguém que vai te amar, com seus defeitos e qualidades.

Dica: Conhecem a Demi Lovato certo? Bom, não sei se todos vocês sabem, ela tinha problemas com o peso, se achava gorda e começou a se cortar pra aliviar a dor, alguns dizem que é besteira, mas não, a sociedade pode sim machucar alguém e se cortar é um ato de pedir ajuda. Ela procurou uma clinica e se tratou, depois que saiu da reabilitação fez um documentário "Stay Strong (Fique forte)" - ela também tem uma tatuagem com essas palavras - explicando como foi difícil se curar, e que a cada dia é uma luta, que a cada dia ela tenta ser convencer que não está acima do peso. Sou fã dela, pela superação e por ela ajudar dezenas de fãs a se aceitarem, vale muito a pena ver o documentário saber mais da história e ter uma ideia de como é ter baixa auto estima e como vencer isso.

Espero que gostem e pratiquem as dicas, e depois me contem, certo?  



5 comentários:

Juliana Diniz disse...

Olá Laryssa! Tudo bem? :d
Seu post me fez lembrar da minha pré-adolescência e parte da própria adolescência. Nunca fui a mais bonita, simpática e que todos gostavam. Era meio estranha, "nerd" como assim me chamavam e só andava com meninos. Me sentia mais a vontade no meio deles do que com as meninas da minha idade. Eles sempre me respeitaram e elas sempre me perguntavam como eu conseguia isso, o respeito deles. rs. As menininhas diziam que eu nunca ia namorar ninguém porque só vivia com a cara nos livros, com meus fones de ouvido e era meio "largada". Mas sabe de uma coisa? Eu não ligava muito. Eu era feliz daquele jeitinho. Hoje quando as revejo, não chegaram muito longe e a maioria já tem até filho. Eu tenho uma namorado há quase 2 anos, que é fofo e me respeita muito, passei no 1º vestibular que fiz e ainda no 2º ano do Ens. Médio. Não sou tão largada assim.. mas costumo ser bem básica sabe? bem natural. Dai penso: Quem era mesmo aquela menina esquisita? rs.

Colocar essas dicas em prática, não é nada fácil. Mas no fim sempre valerá a pena. É preferível estar de bem consigo mesma do que ligar pro que os outros pensam, afinal a vida e o futuro são seus, né verdade?

Beijos, Ju.
fez-se-flor.blogspot.com.br

Aline Diedrich disse...

É preciso acreditar em si... Evidenciar as próprias qualidades e esquecer os comentários dos outros...

Thayná Lima disse...

Demi dando lições de vida para todos!

Maysa Lobo disse...

Demi é mt diva. Eu sofro por ser mt magra, todos vive criticando isso .
Adorei o layout foi você que fez? É que estou procurando alguém que saiba para fazer um pro blog, se soube me avisa tá ?


Já estou seguindo aqui, de uma passadinha lá no blog , estou lhe aguardando !

Att , Maysa Lobo ;*


http://pensamentosdasgirls.blogspot.com.br/

http://the-guardian-of-the-wolf.tumblr.com/

@maysa_lobo

Laryssa Santos disse...

Juliana Diniz, não é fácil mesmo.
Mas no fim vale a pena, e claro é sempre preciso se importar com você e nunca com a opinião dos outros.

Thayná Lima, Demi é diva né? hahaha


Entendo você, também falavam que eu era muito magra e tal. Não fui eu que fiz não, eu peguei no senhoritaliberdade.com, mas também curto os da JulieDeBatom.blogpost.com. pego todos os layouts lá. Não sei se elas fazem um especial pro teu blog tem que perguntar.

Me desculpem por estar respondendo assim. Tenho que ativar a opção de resposta de comentário, mas estou sem tempo :/. Bjs

Postar um comentário